"Os mais excitantes contos eróticos"


''Eu odeio o meu Pai''


autor: chica
publicado em: 04/08/16
categoria: incesto
leituras: 53149
ver notas
Fonte: maior > menor


Olá queridos leitores eu estou aqui para contar uma história q no inicio pra mim era, uma das coisas impossiveis de sair da minha boca mas estava quase sufocando preciso
Desabafar...Então vamos lá eu tinha quase 13 anos quando eu conhecir o Meu suposto pai...
Minha mãe tinha mim dito q ele tinha morrido a muito tempo bem antes de mim ter nascido,dai derrepente aparece um Cara barbudo de estilo de motoqueira na minha porta..dai ele mim abraça e mim chama de filha...mas Como ele poderia ser meu pai se ele tinha morrido....fiquem sem entender chamei a minha mãe...ela olhou desesperada...mandou ele entrar e disse esse é o seu pai.Nossa naquela hira Meu coraçao quase parou ele olhou pra mim e disse:-oi filha ! Agente se abraçou, e depois desse abraço começou o Meu pesadelo...ele olhava pra minha bunda de jeito estranho e desconfortante sempre q a gente sai junto..a minha mãe é corretora de imoveis ela tevi q viajar Durante um mês para outra cidade dai...eu tive q ficar com Meu pai,
era uma casa bastante bagunçada,cheia de latas de cervejas...enfim...lá Só tinha uma cama e tinha q dormir com ele..um dia tomei um banho e fui dormir Só de regata e calcinha...Então sentir uma mão percorrendo o meu corpo...foi subindo pela as minhas pernas passabdo por cima da minha xana e apertando OS meus pequenos peitinhos...eu fiquei com tanto medo q Não queria abrir OS olhos, então a mão continuou a mim apalpar...foi abaixando a minha calcinha e fugando a minha bucetinha...quando tocou com o dedo no Meu clitoris eu feichei as pernas e abrir os olhos...achando q fosse um estranho,mim deparo com o Meu pai de pau na mão com a maior Cara de tarado mim olhando...
-vem filhinha chupa o pau do papai
eu chorando disse Não vc é Meu pai ele mim olhou ...
-q se foda..eu quero a sua bucetinha abra as pernas...
Eu chorando obdecir,ele veio e meteu a Cara no meio das minhas pernas eu comecei a delirar,era tão gostoso,mas eu sabia q era errado eu relutei para Não sentir prazer.mas foi inutio..
Eu gritei gemir de prazer na lingua do Meu próprio pai...
Gozei feito uma atris porno...depois ele mandou eu sentar e chupa o seu pau eu chorando obdecir,ele fudia a minha boca feito uma buceta,eu engulhava tanto q saia lagrimas DOS olhos...Ele dizia:
-chupa sua cadelinha chupa a pica do papai foi pra isso q eu te fiz...hahaha
huhuuu....eu vou gozar..
Chupa mas sua putinha...
Depois ele gozou e mandou engolir tudo...
Depois mi mandou deitar.
abriu minhas pernas passou o dedo na grutinha e proucurou o buraco...socou bem fundo na minha buceta virgem.
-nossa filhinha q buceta apertadinha o papai vai meter nela pq foi o papai quem fez entao eu tenho todo o direito neh?
e deu ima risada orripilante...eu emplorei...
-Não papai por favor Não faça isso
Eu te pesso por favor...
-deixe de frescura e abra essas pernas sua puta, eu vou te comer inteira ...

o pau dele era enorme,sentir tanto medo.
Mas Não tinha jeito de fugir feichei OS meus olhos...ele lambeu minha buceta feito um louco mim deixando toda molhadinha...
-se prepara filhinha q a cobra vai entrar na toca,
Passou a cabeça na entradinha e foi se ajeitando quando derrepente sentir aquela rola mim rasgando enteira...e aquele homem q dizia ser o Meu pai uivando de felicidade por ta comendo a sua propria filha..
Odiei ele naquele momento.
Depois q ele saiu de cima de mim...Não conseguir olhar na Cara daquele estrupador...sentir nojo e vergonha de mim mesma...foram trinta dias de sofrimento...
Até a minha mãe chegar...
Fui pra casar e deitei na cama quando o telefone toca..
-oi filha to com saudades
Quero te comer de novo sua putinha chupar sua bucetinha Linda e seus peitinhos depois te dar leitinho quentinho na boquinha e meter mej pau na sua bucetinha...
Vc quer?
desliguei o telefone e corrir e abracei minha mãe e disse pra ela nunca mas mim deixar sozinha...
votei no Meu conto q se vcs tiverem gostado faço a continuaçao...bjos



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.