"Os mais excitantes contos eróticos"

 

Arrombei o Cuzinho da Minha Cunhada


autor: CyberFox
publicado em: 13/09/17
categoria: hetero
leituras: 4121
ver notas


Isso se passou a dois anos atrás no carnaval eu Carlos tinha 26 anos 1,84 loiro, olhos castanhos, pernas grossas, e minha cunhada Jennifer 25 anos cabelos longos, morena, seios pequenos, mas uma bunda gigante.

Bom viajamos pra Bahia pra curti o carnaval eu e a família da minha namorada curtindo muito cervejada tira gosto e eu e minha namorada brigamos durante o dia por ela achar que não estava dando atenção pra ela, minha cunhada muito na dela ficou só observando e depois da briga notei que ela me olhava com olhos sedutores, acariciava os seios dispistado e me olhava.

Anoite fomos para o apartamento que tínhamos alugado e com raiva resolvi durmi na sala não quiz ficar no quarto com minha namorada, luzes apagadas todos durmindo quando vejo minha cunhadinha só de sutiã e calcinha com aquele bundão passando para ir na cozinha, então enquanto ela estava na cozinha fiquei pelado embaixo do lençol que era meio transparente e finge que estava durmindo.

Então ela veio sentou na beira do colchão, e cheirou o meu pescoço e começou a passar a mão sobre meu peito, continuei fingindo que estava durmindo, ela foi descendo a mão e beijando meu peito, e derrepente tirou o lençol e viu meu pau de 20cm grosso bem duro, não pensou duas vezes deu uma lambida na cabeça do meu pau e começou a chupar loucamente não resisti e passei a mão naquele rabao ela olhou pra mim riu e disse da leitinho na boquinha da cunhada e caiu de boca até que não aguentei e enchi a boca dela de porra eu gozo muito então ela não aguentou tudo na boca mas lambeu cada gota que caiu e deixou bem limpinho.

Virei ela e disse agora é minha vez, comecei a mamar em seus pequenos seios que cabia tudo na minha boca, até que desci e tirei aquela calcinha que estava enfiada na bunda dei uma lambidinha no cuzinho dela que ela soltou um gemido gostoso, fui na xoxota dela hora lambinha o grelo hora enfiava a língua alternando entre o cuzinho e a xoxota até que ela gozou na minha boca e soltou um gemido de satisfeita que tive medo de alguém acorda.

Fomos na cozinha tomamos uma água e ela me disse vou ir durmi foi que eu puxei pelo o braço e disse vc acha que acabou vou fuder sua buceta depois comer esse cuzao seu ela disse que o cuzinho não pq nunca tinha dado pra uma rola igual a minha, começamos a nos beijar e pau duro comecei a passar a cabeça no grelo quando senti ela molhadinha enfiei o pau nela e comecei a bombar de ladinho, depois coloquei ela por cima e cavalgou deliciosamente sem parar, depois fui por cima dela dei um tapa na cara dela e meti com força tive que tampar a boca dela pq ela estava gemendo muito.

Então coloquei ela de quatro, dei umas bombadas na xoxota dela é cuspi no cuzinho dela ela disse que não mas coloquei a cabecinha ela começou a gemer e a rebolar devagarinho olhou pra mim e disse vc vai arrombar meu cu eu disse que sim com a minha camisa amarrei a boca dela e comecei a socar no cu dela ela gemia mesmo com a boca tampada e eu sem do metia estava fascinado com aquela bunda enorme engolindo meu pau e nisso eu via o melado descendo pelas pernas dela saindo da buceta continuei metendo até que não aguentei e enchi o cu dela de porra. Tomei um banho, depois ela tomou demos um beijo e ela foi pro quarto dela e aconteceu um menage nesse carnaval que vou contar depois pra vcs.



ver comentários

Aviso:

Todos os comentários aqui exibidos são de inteira responsabilidade do comentarista. O site Clímax Contos Eróticos deixa claro nas suas normas que manifestações de pedofilia, racismo ou de qualquer outro teor ilícito serão banidas, assim como seus autores. Publicações ou comentários ofensivos aos demais membros poderão ser removidos.

Faça um comentário:



Sua nota para este texto:

Quero receber email sobre novos comentários.